segunda-feira, 25 de maio de 2015

Tempo de Cura: Por Que Fazer PsicoterapiaReencarnacionista ou TVP...

Tempo de Cura: Por Que Fazer PsicoterapiaReencarnacionista ou TVP...: Por Que Fazer Psicoterapia Reencarnacionista ou TVP.   Um aspecto que não tem sido suficientemente valorizado em relação à nossa ps...
Por Que Fazer Psicoterapia Reencarnacionista ou TVP.

 

Um aspecto que não tem sido suficientemente valorizado em relação à nossa psicologia é o preventivo, tanto a nível das patologias psíquicas e mentais como às suas repercussões físicas, as chamadas “doenças”. 

Evidentemente, todas as psicologias existentes, seja a oficial (não-reencarnacionista), sejam as alternativas, sejam as espirituais, visam melhorar os sentimentos das pessoas em relação aos fatos traumáticos de sua infância e de sua vida. E todas conseguem que os sentimentos patogênicos, como a mágoa, o sentimento de rejeição, a raiva, a culpa, etc. durante os tratamentos, percam a sua intensidade e, muitas vezes, não evoluam para quadros mais graves, seja em nível psíquico ou em nível mental (quando uma pessoa entra para dentro dos seus próprios pensamentos e por lá se perde), seja nas repercussões físicas.



A Psicoterapia Reencarnacionista também consegue isso, mas ela apresenta uma característica que pode fazer com que esse aspecto preventivo amplie-se, que é a mudança da maneira como as pessoas interpretaram, e geralmente passam toda sua vida interpretando, a sua infância, os “vilões” ou “situações-vilãs” de lá e o seu momento de vida atual, o que chamamos de mudança da “versão-persona” para a “Versão-Espírito”.


Na nossa psicologia, por lidar com a Reencarnação, a infância das pessoas é analisada baseada em 6 Leis Divinas: a Lei da Necessidade, da Finalidade, do Merecimento, do Retorno, do Resgate e da Similaridade.


Essa mudança da maneira de enxergar a nossa infância e os fatos atuais da nossa vida, sob a ótica reencarnacionista, e percebermos o nosso padrão comportamental repetitivo, encarnação após encarnação, nas “Sessões de Telão na Terra”, permitem, entre outras coisas:



1. Encontrarmos a nossa Personalidade Congênita (“Somos como somos porque nascemos assim”);



2. Encontrarmos a pista para nossa proposta de Reforma Íntima (1ª missão);



3. Sairmos da vitimação, assumindo o lugar de co-criadores da nossa infância e da nossa vida;



4. Começarmos a realmente aproveitar a encarnação, no sentido evolutivo espiritual, através da nossa Reforma Íntima;



5. Entendermos que somos co-criadores da nossa encarnação e não vítimas do destino e começarmos a nos resgatar com Espíritos conflitantes (2ª missão);



6. Com a libertação do nosso psicopatológico autocentramento, vai ocorrendo um gradativo encaminhamento para as dores, os dramas e as necessidades dos outros, e vamos adentrando na verdadeira ajuda aos demais (3ª missão), sem que isso seja uma fuga dos nossos próprios problemas, como comumente costumamos fazer.



A Psicoterapia Reencarnacionista é uma psicologia preventiva dos quadros graves de patologias psíquicas e mentais (e suas somatizações) mas também é preventiva de algo muito maior: deixar de aproveitar uma encarnação.


          Com Respeito      
Jeane Godoy - (19) 9-9769-6175
Janaina Ester-(19) 9-8225-8185
www.tempo-de-cura.negociol.com
" A Pressão das Mãos Faz Correr As Fontes Da Vida!"
Psicoterapias
Trance Therapist
Integral Therapist
Meditação Orientada
Estudos da Consciência
Bioenergética
Florais
Auriculoterapia, Moxabustão, Cone Hindu, Magnetoterapia.

Espaço Tempo De Cura


quinta-feira, 7 de maio de 2015

Vou banindo (Espiral)





Bom Dia!

Que possamos através da música de nossa Alma banir tudo que seja ruim ou mal.

Que tenhamos a capacitação para sermos agentes de Purificação em nossa vida e consequentemente na vida do próximo!

Que a Força da Terra, do Ar, do fogo e do Mar estejam junto de nossas intenções de Luz e Transmutação!

Que assim seja! Que assim se faça! Que assim se cumpra! E assim é!

Segue a Letra ... Cante e Sinta ...

Vou banindo pela Terra e Ar

Vou banindo pelo Fogo e Mar
Vou banindo, vou banindo pra purificar
Vou banindo, vou banindo pra exterminar

Espiral, Espiral, Espiral
Sugue o que há de ruim
Leve todo mal

A águia em seu voo para vitória

terça-feira, 5 de maio de 2015

TINTURA DE AMORA E O CALOR DA MENOPAUSA


As famosas “ondas” de calor, típicas da menopausa, são queixas comuns na clínica de acupuntura. Sinais e sintomas como secura vaginal, irritabilidade, dor de cabeça, insônia, diminuição da libido, menstruação irregular e ondas de frio também podem estar associados a este período em que há diminuição da produção de estrógeno.
A amora, Morus alba ou Morus nigra , é conhecida como “planta reguladora dos hormônios”, pois estimula a produção hormonal pelo próprio organismo. Desta forma, é indicada para combater os sintomas da menopausa, uma vez que estimula a produção de estrógeno.  Recomendo a ingestão na forma de chá (da folha ou casca/caule) ou de tintura (deve-se diluir 30 gotas em água e ingerir 3 vezes ao dia, por no máximo 90 dias). A tintura é facilmente encontrada em farmácias de manipulação.
Outros benefícios da amora são: anticancerígena, combate a osteoporose, depurativa do sangue, anti-séptica, vermífuga, digestiva, calmante, diurética, laxativa, refrescante e antioxidante. Previne infecções urinárias, úlceras e câncer de estômago. Melhora o funcionamento do fígado e dos rins, diminui a pressão arterial e a glicemia.

De acordo com a Medicina Tradicional Chinesa, a menopausa ocorre pela deficiência de Yin do Rim, com conseqüente “fogo”  no Coração. O tratamento consiste, portanto, em tonificar o Yin do Rim e tratar os sinais e sintomas de calor. A amora enquadra-se perfeitamente nesta caso, pois fortalece o Yin do Rim e do Fígado, além de diminui o calor diretamente por ser de característica energética fria.
Outros alimentos indicados para a menopausa (tonificam o Yin e dispersam o calor) são: soja, umeboshi (ameixa japonesa), suco de melancia, suco de melão com hortelã, ovo de codorna, repolho, morango, feijão preto, verdurasverde-escuras, clara de ovo, pêra e maçã. Introduza estes alimentos de forma que se tornem comuns em sua dieta.
É importante lembrar que o acompanhamento médico é essencial e que os alimentos indicados são importantes auxiliares no tratamento e prevenção das doenças, mas podem não substituir as medicações.
                                                                                                  
   Site: Acupuntura e Saúde



                                   Maria Clara Melotto  & Jeane Godoy